Análises e insights

HOME / análises e insights

Direto ao Ponto 2

A Importância do Compliance Trabalhista na cadeia de Fornecedores:
Lições de Bento Gonçalves

Recentemente, a cidade de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, foi palco de uma triste realidade: a contratação de mão de obra análoga à escravidão pelas vinícolas da região. A notícia chocou o país e serviu de alerta para a importância do compliance trabalhista nos fornecedores.

O que é Compliance Trabalhista?

Antes de abordarmos a importância do compliance trabalhista nos fornecedores, é preciso entender o que é esse conceito. O compliance trabalhista é um conjunto de normas e políticas que visam garantir que a empresa cumpra todas as leis e regulamentos relacionados ao trabalho, evitando práticas ilegais ou abusivas.

A importância do Compliance Trabalhista nos Fornecedores

compliance 2

A contratação de mão de obra análoga à escravidão pelas vinícolas de Bento Gonçalves é um exemplo claro da importância do compliance trabalhista nos fornecedores. Afinal, perante os olhos do Poder Judiciário as empresas não podem se isentar da responsabilidade pelo comportamento de seus fornecedores.

 

Ao estabelecer uma política clara de compliance trabalhista, a empresa pode garantir que seus fornecedores atuem de acordo com as leis trabalhistas, evitando situações como a ocorrida em Bento Gonçalves.

 Além disso, uma política de compliance trabalhista ajuda a promover uma cultura de respeito aos direitos trabalhistas, tanto dentro da empresa quanto em toda a cadeia de fornecimento.

As Medidas Tomadas em Bento Gonçalves

A notícia sobre a contratação de mão de obra análoga à escravidão pelas vinícolas de Bento Gonçalves gerou uma série de medidas para combater esse tipo de prática. A prefeitura da cidade anunciou a criação de um grupo de trabalho para combater o trabalho análogo à escravidão, além de fiscalizações e multas para empresas que desrespeitarem as leis trabalhistas.

Essas medidas são importantes, mas apenas a fiscalização não é suficiente para garantir a erradicação do trabalho análogo à escravidão. É preciso que as empresas adotem uma postura proativa, estabelecendo políticas claras de compliance trabalhista e monitorando constantemente seus fornecedores.

colheita
compliance

05 atitudes para garantir o compliance trabalhista dos fornecedores

É preciso que as empresas promovam uma cultura de respeito aos direitos trabalhistas, tanto dentro da empresa quanto em toda a cadeia de fornecimento. A fiscalização é importante, mas apenas uma parte da solução. É preciso que as empresas invistam em políticas de compliance trabalhista para garantir que práticas ilegais ou abusivas não ocorram.

O caso de mão de obra análoga à escravidão nas vinícolas de Bento Gonçalves serve como um alerta para a importância do compliance trabalhista nos fornecedores. Para ajudar as empresas a prevenir esses casos, apresentamos 5 atitudes que podem ser adotadas:

As empresas devem definir políticas que exijam o cumprimento das leis trabalhistas pelos seus fornecedores, além de adotar medidas para monitorar e garantir a efetividade dessas políticas.

As empresas devem realizar auditorias regulares para avaliar o cumprimento das leis trabalhistas pelos seus fornecedores, identificar possíveis riscos e adotar medidas preventivas para corrigir essas falhas.

A empresa pode exigir que seus fornecedores possuam certificações trabalhistas, como o selo “Empresa Amiga da Criança”, que comprovam que a empresa adota práticas trabalhistas responsáveis.

As empresas podem oferecer treinamentos e capacitações para seus fornecedores, com o objetivo de promover a conscientização sobre a importância do cumprimento das leis trabalhistas e a adoção de práticas trabalhistas responsáveis.

Para garantir a efetividade das medidas de compliance trabalhista, é recomendável que a empresa contrate um advogado especializado em direito trabalhista, que possa prestar consultoria e orientação para a empresa, além de atuar na defesa dos seus interesses em caso de disputas judiciais.

A adoção de medidas de compliance trabalhista nos fornecedores é uma forma de prevenir casos de mão de obra análoga à escravidão e promover uma cultura de respeito aos direitos trabalhistas. 

A contratação de um advogado especializado pode trazer mais segurança jurídica para a empresa, além de contribuir para a preservação da sua imagem e reputação perante os consumidores.

Como temos ajudado o mercado

Representamos clientes que impactam o futuro

Melhoramos o desenvolvimento dos negócios de nossos clientes por meio de uma atuação focada em mudanças que impactam a eficiência e a desburocratização das operações. Disponibilizamos regularmente artigos, opiniões, tendências e notícias sobre temas que afetam as rotinas dos negócios, contudo de maneira simples, prática e sem “jargão jurídico”

 

Conheça nossas áreas de atuação

MAIS NOTÍCIAS

Diálogos entre LGPD e a regulação de IA (2)

Diálogos entre LGPD e a regulação de IA

Estamos orgulhosos em anunciar que nossa advogada de direito digital, Mônica Marques, estará participando do Fórum da Internet no Brasil para tratar sobre LGPD e regulação de IA. 🚀

Estudo de Caso

Multinacional adota soluções jurídicas analíticas para prevenir e mitigar Riscos Trabalhistas

Veja os detalhes

Entenda como a jurimetria aplicada traz disrupção na gestão de contingências jurídicas

Enviar uma mensagem
Olá
Podemos ajudá-lo?